Concessionária Morro da Mesa. — Foto: Concessionária Morro da Mesa

A concessionária Morro da Mesa, que pertence ao deputado estadual Ondanir Bortolini, o Nininho (PSD), continua operando o pedágio normalmente, na rodovia MT-130, num trecho de 122 km entre as cidades de Primavera do Leste e Rondonópolis, após instauração de processo administrativo para apurar suposta fraude no processo de concessão da rodovia.

Concessionária Morro da Mesa. — Foto: Concessionária Morro da Mesa

O governo do estado, por meio da Secretaria Estadual de Infraestrutura e Logística (Sinfra), informou que aguarda o resultado da apuração sobre a fraude declarada pelo ex-governador Silval Barbosa no acordo de delação premiada.

Silval Barbosa declarou à Justiça que recebeu R$ 7 milhões em propina para assinar contrato de concessão do referido trecho da MT-130.

Ainda segundo o ex-governador, o valor foi negociado com o Nininho e um representante da concessionária Morro da Mesa. O contrato de concessão foi assinado e autorizado por Silval, em 2011.

O MP ainda solicitou que a Justiça determine a indisponibilidade de bens dos investigados.

Por meio da assessoria de imprensa, o deputado Nininho informou que vai acompanhar os desdobramentos do caso. O G1 não conseguiu contato com os demais citados.

Fonte: G1 MT